Página Inicial / Política / ATUALIZAÇÃO DOS CARTÕES DO TRANSCOL NOS COLETIVOS VAI ATÉ A PRÓXIMA SEXTA (14)

ATUALIZAÇÃO DOS CARTÕES DO TRANSCOL NOS COLETIVOS VAI ATÉ A PRÓXIMA SEXTA (14)

Quem utiliza os cartões de bilhetagem eletrônica no Sistema Transcol e ainda não realizou a atualização terá até o final desta semana para realizar o procedimento nos coletivos. O prazo, que se encerraria nesta terça-feira (11), foi prorrogado até a próxima sexta-feira (14). Após esta data, os passageiros vão precisar ir até uma das lojas do GV Bus para fazer a transferência de dados. Contudo, o usuário precisa ficar atento: é preciso utilizar o cartão nos dois validadores em dois dias diferentes (seguidos ou não) para completar a migração.

Até o momento, quase 90% dos cartões ativos (aqueles que foram usados nos últimos 90 dias) já foram atualizados. Entre os cartões que ainda precisam fazer a migração, o maior percentual está entre os usuários que possuem o cartão idoso, com 38%; Cartão passe fácil, com 30,7% e Cartão Especial (PCD), com 28,3%. Vale lembrar que idosos também podem apresentar a identidade nos coletivos para contar com o benefício da gratuidade.

Desde o dia 11 de maio, o Sistema Transcol realiza o processo de migração do atual sistema de bilhetagem eletrônica para um novo, o que vai permitir a implantação do Bilhete Único Metropolitano e abrir um leque de novos serviços para maior comodidade e segurança da população que utiliza o sistema.

“A atualização da tecnologia utilizada na bilhetagem eletrônica é uma etapa importante na reestruturação e modernização do sistema e que vai permitir a implantação do Bilhete Único Metropolitano. O procedimento de atualização dentro dos coletivos é inédito no país e está ocorrendo de maneira tranquila, com poucos problemas registrados”, avalia o secretário de Estado dos Transportes e Obras Públicas, Fábio Damasceno.

A reconfiguração dos cartões nos coletivos funciona assim: o usuário precisa apresentar o cartão, gratuidade ou não, nos dois validadores. Primeiro, deve passar o cartão no validador azul, o atual. Após ouvir o sinal sonoro, deve apresentá-lo no validador vermelho, o novo, até aparecer a mensagem “catraca liberada”. Esse procedimento deve ser feito todas as vezes que o passageiro embarcar nos ônibus do Transcol, no Seletivo ou nos Terminais.

A instalação dos novos validadores faz parte de uma série de medidas que o Governo do Estado, por meio da Setop e da Companhia Estadual de Transportes de Passageiros (Ceturb-ES, e os consórcios, representados pelo Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória – GVBus, estão realizando para melhorar o atendimento aos passageiros do Sistema Transcol.

Atualização depois do prazo 

Após a retirada dos validadores azuis, os cartões que não forem atualizados não vão funcionar nos validadores novos. Neste caso, usuários com cartões não atualizados devem procurar os postos de atendimento do GVBus. O mesmo precisa ser feito pelos usuários cujo o cartão apresentou o erro “transação incompleta” durante o procedimento nos coletivos.

Os passageiros que possuem cartões de gratuidade (Idoso, Passe Livre, PCD, Escolar Gratuito e Comprovação de Renda), devem se dirigir a um desses postos de atendimento: Central Faça-Fácil (Cariacica), Terminais Vila Velha e Laranjeiras, e Loja Central (na Reta da Penha, em Vitória).

Já quem tem cartões Vale-transporte, Passe Fácil e Escolar 50% devem procurar apenas o pós-venda da Loja Central, na Avenida Nossa Senhora da Penha, 699, Ed. Century Tower, Torre B, lojas 8 e 9, Praia do Canto, em Vitória (ao lado da Caixa Econômica Federal da Reta da Penha).

Passageiros que possuem cartões gratuidade não podem emprestar o cartão para que outra pessoa faça a atualização por causa da biometria.

 Fonte/Foto: Assessoria de Comunicação da Setop

 

Você pode Gostar de:

PREFEITO DE ANCHIETA-ES FABRÍCIO PETRI ASSINA ORDEM DE SERVIÇO PARA PAVIMENTAÇÃO E DRENAGEM EM ALTO PONGAL

Comunidade irá receber pavimentação com drenagem. Outras sete comunidades do interior também irão ser beneficiadas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *