Página Inicial / Polícia / OPERAÇÃO ANJOS DA LEI DA POLÍCIA CIVIL PRENDE MAIS DE DEZ SUSPEITOS NO ESPÍRITO SANTO

OPERAÇÃO ANJOS DA LEI DA POLÍCIA CIVIL PRENDE MAIS DE DEZ SUSPEITOS NO ESPÍRITO SANTO

A Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado em Narcóticos (Denarc), realizou, ao longo desta semana, mais dez prisões resultantes de desdobramentos das investigações iniciadas na Operação Anjos da Lei, que teve como objetivo coibir o tráfico de drogas nas proximidades de escolas e faculdades.

No primeiro momento, o Denarc realizou a prisão em flagrante de F. B.O. A partir desta prisão, a Polícia Civil chegou até R.T.de S., investigado por fazer parte da mesma organização criminosa. R. foi preso em flagrante nessa quarta-feira (03), no momento em que faria a entrega de entorpecentes. Em um imóvel usado por ele, localizado em Laranjeiras, município de Serra, os policiais encontraram 67 tabletes de maconha, totalizando quase 70 quilos da droga.

“Todos os desdobramentos são investigados. A partir dessa investigação nós identificamos outro integrante da quadrilha do Fernando, que é o Raul, com quem nós apreendemos cerca de 70 quilos de maconha. Lembrando que a investigação inicial era sobre tráfico de drogas em porta de escolas. A partir daí nós chegamos ao fornecedor desse traficante, e a partir do fornecedor, chegamos a outros integrantes da quadrilha”, explicou o delegado Alberto Roque Peres, titular da 1ª Delegacia Especializada em Narcóticos.

Ainda nos desdobramentos das investigações, a equipe da Denarc de Linhares cumpriu mandados de busca e apreensão no Bairro Interlagos, nessa segunda feira (01). Durante as buscas, quatro pessoas foram presas em flagrante. R.S.P., F.P.R., A. dos S. e V.B.S. estavam em um imóvel, onde os policiais encontraram munições, drogas, material para refino de entorpecentes e armas, incluindo duas submetralhadoras, aparentemente de fabricação caseira.

Segundo o titular da Denarc de Linhares, Leandro Sperandio, “isso nos chama a atenção, até porque são armas que têm um poder de destruição considerável e armas semelhantes foram vistas em apreensões recentes. O próximo passo dos DENARCS é impactar na fabricação desses armamentos”.

Outra vertente das investigações levou a equipe do Denarc realizar a prisão em flagrante de J.J.de F. e L.F.de O.S., nessa quarta-feira (03). A dupla foi flagrada com 150 comprimidos de ecstasy, em Itararé, Vitória, no momento em que faria a entrega do entorpecente.

“Realizamos a prisão desses indivíduos e, em contato com o serviço de inteligência dos Correios, nós recebemos a informação de que teriam outras drogas, possivelmente desse mesmo grupo, entregues em Guriri, município de São Mateus”, acrescentou o delegado.

A Denarc de São Mateus foi comunicada e, nessa quarta-feira (03), deteve três indivíduos em posse de entorpecentes: P.H., E.B.S. e R.E.G. foram autuados em flagrante por tráfico de drogas qualificado e associação ao tráfico. Com eles, os policiais encontraram 252 comprimidos semelhantes a ecstasy, 59 adesivos de LSD e 29 gramas de haxixe.

“Essas operações, trabalhadas em todo o Estado, já resultaram na apreensão de 15 mil comprimidos de ecstasy e aproximadamente dez mil micropontos de LSD. Isso, de fato, tem um impacto financeiro muito forte no tráfico de drogas”, avaliou o Delegado Geral de Polícia Civil, José Darcy Arruda.  

 Fonte/Foto: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

 

Você pode Gostar de:

Senado aprova MP que facilita venda de bens apreendidos do tráfico

O plenário do Senado aprovou na quarta-feira (9) projeto que facilita a venda de bens …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *