Página Inicial / Polícia / Operação integrada aborda mais de 500 veículos na Grande Vitória

Operação integrada aborda mais de 500 veículos na Grande Vitória

Para combater principalmente o furto e roubo de veículos na Grande Vitória e com foco na redução de acidentes de trânsito, foram realizadas, na tarde desta quinta-feira (29), operações integradas “Força pela Vida” nos municípios de Vitória, Serra, Cariacica e Vila Velha. A ação contou com a participação de agentes da Polícia Civil, do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), do 6º Batalhão da Polícia Militar, das Guardas Municipais, da Polícia Rodoviária Federal e da Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Espírito Santo (Ceturb-ES). 

Nas abordagens foram checadas as procedências de veículos e de transporte coletivo de passageiros a partir de análise minuciosa para coibir possíveis crimes relacionados ao sistema de trânsito. 

Foram abordados 509 veículos e aplicadas 91 multas. Além disso, duas pessoas foram presas por usurpação do exercício de função pública. De acordo com a delegada chefe da Divisão de Delitos de Trânsito (DDT), Fabiane Coutinho, o trabalho integrado dos agentes de segurança com foco na prevenção de acidentes e no combate a condutas ilícitas fortalece as instituições e aumenta a sensação de segurança dos cidadãos.

“A operação Força pela Vida demonstra a grande preocupação do Governo do Estado e dos nossos órgãos parceiros em diminuir os acidentes e salvar vidas no trânsito. Mas, também temos o foco em proteger a vida, evitando que veículos roubados circulem. Eles são meios utilizados pelos criminosos para cometer outros delitos. A ação é muito importante”, afirmou a delegada.

Para o comandante do BPTran, tenente-coronel Glariston Fonseca, esta foi mais uma exitosa operação integrada na qual foram flagradas diversas irregularidades tanto de condutores quanto de veículos. “O resultado é um trânsito mais seguro para os usuários das vias, pois os infratores responderão administrativamente e criminalmente pelos seus atos, o que serve de desestímulo a tais práticas. O cidadão precisa compreender que um trânsito mais humano começa por ele mesmo, respeitando as normas e o seu semelhante”, ressaltou Fonseca.

Aprovação

O motoboy Josianderson Gomes Oliveira, morador da Serra, que já sofreu acidente de trânsito e foi abordado pelos agentes, considera as operações importantes para a segurança da população. “Fazia tempo que não via essas blitze de forma constante. Torço para que ajude a diminuir o roubo de motos, que é o meu instrumento de trabalho”, revelou o profissional. 

Para o empresário Saulo Nunes, que mora em Vitória, as operações são válidas e devem ser constantes para combater crimes de trânsito. “Tive o carro furtado no ano passado e supostamente se tratava de um crime de mando”, contou Nunes.

Integração com prefeituras

As operações Força pela Vida contam sempre com o trabalho dos agentes das Guardas Municipais onde o trânsito é municipalizado. Para o diretor do Departamento de Operações de Trânsito da Serra, Marcos Viana, o Força pela Vida vem como uma forma de colaborar com o trabalho já desenvolvido pelo Departamento de Operações de Trânsito (DOT) no quesito de fiscalização das questões relacionadas ao trânsito, que afetam também na segurança pública.

“Uma ação conjunta como esta, em que vários órgãos trabalham de forma aliada com objetivo de oferecer um serviço de qualidade e eficiência à população, sempre contará com a nossa colaboração”, salientou Viana.

De acordo com o secretário de Defesa Social de Cariacica, Alexandre Ribeiro, ações como essa são muito importantes, porque contribuem para uma cidade mais segura, com um trânsito mais ordenado; e beneficiam não só o cidadão que vive no município, mas também aos que passam por aqui. “A Secretaria Municipal de Defesa Social disponibilizou duas viaturas e seis agentes de trânsito para registrar autos de infração e auxiliar o Batalhão de Trânsito. Além disso, a central de videomonitoramento também acompanhou as abordagens”, disse.

Em Vila Velha, o secretário de Defesa Social e Trânsito, coronel Oberacy Emmerich Junior, ressaltou que o município está inserido no Sistema Nacional de Trânsito e que cumpre à risca sua autoridade neste contexto. “Estamos integrados com os órgãos estaduais e federais. Nada mais natural do que Guarda Municipal participe dessas ações para ajudar na manutenção da tranquilidade pública, proteção do cidadão e na questão da paz no trânsito.  E nós como autoridades de trânsito estaremos juntos nessas ações”, assinalou o secretário. 

Já o secretário de Segurança Urbana de Vitória, Fronzio Calheira Mota, as operações também influenciam na diminuição de outros tipos de crime contra o patrimônio. “Acreditamos que é muito importante essa integração entre as instituições para coibir crimes em Vitória”, pontuou. 

Transporte seguro

A ação da Ceturb-ES na operação “Força pela Vida” desta quinta-feira (29) teve como foco principal a fiscalização de veículos roubados, mas com ênfase no combate do transporte clandestino e irregular, sendo alvo dos agentes de transporte, que trabalharam de forma integrada com os demais órgãos para coibir essas práticas.

O diretor de Operação da Ceturb-ES, Anderson Barbosa, destacou que “os agentes da Companhia focaram na fiscalização de transporte irregular de passageiros, sempre com o objetivo de prevenir acidentes, principalmente para conscientizar sobre a importância do transporte seguro e evitar deslocamentos em veículos irregulares sem segurança”. 

Na operação diversos veículos foram abordados, sendo a maioria de micro-ônibus (tipo van). Os Agentes da Ceturb-ES aplicaram as medidas administrativas cabíveis aos veículos irregulares, alertando a todos os motoristas que novas operações de repressão ao exercício irregular de transporte de passageiros em veículos continuarão sendo intensificadas.

Força pela Vida

Esta foi a quinta operação integrada desde o último dia 05 de julho. Por duas vezes, o foco foi a Lei Seca, motociclistas e transporte clandestino, além de irregularidades no transporte escolar. O objetivo principal da iniciativa é prevenir acidentes com vistas à proteção da vida no trânsito.

Compõem também o Comitê Integrado que planeja e executa as operações: Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES); Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp); Corpo de Bombeiros; Secretaria de Estado da Saúde (Sesa); Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES); Conselho Estadual de Trânsito e Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-ES).

Abaixo os dados completos da Operação “Força pela Vida” desta quinta-feira (29):

Veículos abordados: 509
Autos de infração confeccionados:  91
Documentos apreendidos: 01 CNH e 2 CRLVs
Veículos Removidos: 15
Termos circunstanciados: 01

Ocorrências administrativas:

3 autuações pelo Decreto 4090 e 1 do CTB clandestino autuado pela PM.

Ocorrências criminais:

– J.V.D.C preso em flagrante e autuado pelo crime previsto no artigo 328, parágrafo único do Código Penal Brasileiro, encaminhado ao Presídio de Viana.

– W.S preso em flagrante e autuado pelo crime previsto no artigo 328, parágrafo único do Código Penal Brasileiro, encaminhado ao Presídio de Viana

 

 

Você pode Gostar de:

Sefaz e MPES deflagram Operação Blindagem no ramo supermercadista

A Secretaria da Fazenda (Sefaz) e o Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *